sexta-feira, 14 de abril de 2017

Atividade sobre a música "Manifesto"


Manifesto

A gente acorda pra vida e não quer sair da cama
A gente abre a ferida na pele de quem nos ama
A gente vive na guerra, a gente luta por paz
A gente pensa que sabe, mas nunca sabe o que faz
A gente nega o que nunca teve forças pra dizer
A gente mostra pro mundo o que se quer esconder
A gente finge que vive até o dia de morrer
E espera a hora da morte pra se arrepender de tudo. 

E todas essas pessoas que passaram por mim
Alguns querendo dinheiro, outros querendo o meu fim
Os meus amores de infância e os inimigos mortais
Todas as micaretas, todos os funerais
Todos os ditadores e subcelebridades
Farsantes reais encobertando verdades
Pra proteger um vazio, um castelo de papel
Sempre esquecendo que o mundo é só um ponto azul no céu.

Quem é que vai ouvir a minha oração?
E quantos vão morrer até o final dessa canção?
E quem vai prosseguir com a minha procissão
Sem nunca desistir nem sucumbir a toda essa pressão?

No escuro, a sós com a  minha voz
Por nós, quem? Quem? Quem? 
Antes, durante e após, desatando os nós, hein? Hein? Hein?

Sente no corpo uma prisão, correntes, vendas na visão
Os caras não avisam, balas não alisam, minas e manos brisam
E precisam de mais, mais visão, ter paz
Note que o holofote e o vício nele em si te desfaz
Menos é mais, e o que segue é a lombra
Onde se vacilar os verme leva até sua sombra
Cada qual com seu caos
O inferno particular
Tempo, individual
E o amor, impopular. 

Só existe uma maneira de se viver para sempre irmão
Que é compartilhando a sabedoria adquirida
E exercitando a gratidão, sempre
É o homem entender que ele é parte do todo
É sobre isso que o manifesto fala
Nem ser menos e nem ser mais, ser parte da natureza, certo
Ao caminhar na contramão disso, a gente caminha
Pra nossa própria destruição.

(Emicida e Lenine)


01) Há alguma incoerência no primeiro verso da música? Justifique sua resposta:

02) Existe alguma antítese na letra de música? Comente bem: 

03) Posicione-se sobre a passagem destacada no texto, explicando seu ponto de vista: 

04) Qual a importância das indagações da terceira estrofe para o texto? Trata-se ou não de perguntas-retóricas? Explique: 

05) Qual o objetivo da repetição do pronome "quem", no verso "Por nós, quem? Quem? Quem?"? 

06) Justifique o título da música, relacionando-o ao seu conteúdo: 

07) Qual o objetivo desse "manifesto"? Ele cumpre com tal objetivo? Justifique sua resposta: 

08) Transcreva do texto um desvio gramatical, explicando o porquê de ele provavelmente estar ali: 

09) Que mensagem a música lhe transmitiu? Comente:

10) Qual seria o SEU manifesto? Elabore um! Mãos à obra!

(Agradecimento à amiga artemanhosa Aparecida Ferreira por me apresentar esta música!)

4 comentários:

  1. Adorei a atividade e vale uma produção textual pedindo aos alunos para criarem um manifesto em favor da escola pública,mostrando porque é importante e quem sabe levar esse manifesto as autoridades.É a voz dos alunos sendo ouvida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso com certeza... eu não tinha ainda acrescentado porque já tinha até trabalhado aquele manifesto com minhas turmas, aquele que compartilhei lá no grupo, com a atividade. Vc arrasa! E me inspira! Obrigada!

      Excluir
    2. Parabéns pelas criativas atividades!! Adorei as sugestões das músicas para trabalhar o gênero manifesto!!

      Excluir
    3. Oi, Luciana! Obrigada pelo estímulo! Fico feliz que tenha gostado, fico feliz que tenha servido! Um abraço!

      Excluir

Deixe aqui o seu comentário sobre o blog ou sobre esta postagem em especial!!! Vou amar saber o que você pensa!! Muito obrigada pela visita!!! Volte sempre!!!