sábado, 10 de setembro de 2016

Simbolismo na área...

O grande sonho

Sonho Profundo, ó Sonho doloroso,
doloroso e profundo Sentimento! 
Vai, vai na harpa trêmula do vento
chorar o teu mistério tenebroso.

Sobe dos astros ao clarão radioso,
aos leves fluidos do luar nevoento,
às urnas de cristal do firmamento,
ó velho Sonho amargo e majestoso! 

Sobe às estrelas rútilas e frias,
Brancas e virginais eucaristias,
De onde uma luz de eterna paz escorre.

Nessa Amplidão das Amplidões austeras
Chora o Sonho profundo das Esferas,
Que nas azuis Melancolias morre... 

(Cruz e Sousa)

01) Por que o poema acima é um soneto? 

02) Há, no poema acima, alguns elementos sinestésicos importantes para a poesia de Cruz e Sousa. Identifique-os, explicando: 

03) Que elemento visual marca a presença da dor no poema? Comente:

04) Que recursos sonoros adotados pelo autor garantem a musicalidade do poema?

05) Que imagens do poema podem ser relacionados ao idealismo platônico? Explique sua resposta:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário sobre o blog ou sobre esta postagem em especial!!! Vou amar saber o que você pensa!! Muito obrigada pela visita!!! Volte sempre!!!