segunda-feira, 6 de junho de 2016

Análise da música "Glória" (Junkie Bacana)

Glória (Junkie Bacana)

Meu caro vizinho, eu sou um cara legal
Meu telefone é 4777 etc e tal...
Ontem à noite exagerei no barulho
Eu peço que me desculpe
Eu sei que é demais mijar na janela
Chamando por Deus e gritando o nome dela
Todo grande amor incomoda
e o mundo inteiro tem que saber
Ela errou, eu errei, então eu declarei guerra
Paz na Terra só pra quem faz papel de covarde
Faz bobagem, faz bobagem

Meu caro vizinho, não me leve a mal
Depois que eu fiquei sozinho eu dei pra beber
Bem além do normal
E a fazer coisas meio sem sentido, meio sem sentido
E é desse jeito que eu tenho vivido
Não leve a mal um cara assim tão a perigo
E no mais um abraço, meu prezado amigo.

(Lobão)

01) Quem está falando para quem nesse texto?

02) Qual o objetivo da pessoa que fala no texto?

03) O que aconteceu com ela? Que elementos do texto levaram você a essa conclusão?

04) Como essa pessoa está se sentindo?

05) Por que a música tem esse nome?

06) Você concorda com ele que "Quem faz papel de covarde / Faz bobagem, faz bobagem"? Justifique sua resposta:

07) Você é o vizinho desse rapaz. Faça um documento para o síndico ddo prédio, relatando o acontecido e pedindo para que ele tome providências para que você não seja mais incomodado pelo vizinho OU pedindo ao síndico que releve as atitudes do vizinho. Seja qual for a sua escolha, apresente os motivos que provocaram as atitudes do vizinho e argumente a favor do pedido que você está fazendo! 

08) Copie do texto dois vocativos, justificando sua resposta:

09) Transcreva do texto exemplos da linguagem coloquial: 

10) A que classe gramatical pertence cada palavra destacada no texto? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário sobre o blog ou sobre esta postagem em especial!!! Vou amar saber o que você pensa!! Muito obrigada pela visita!!! Volte sempre!!!