terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Charge natalina 04


01) O que a fala do menino e a sua fisionomia revelam?

02) Coloque-se no lugar do pai e invente, no mínimo, 5 desculpas para dar o filho que justifiquem o Papai Noel não aparecer:

03) Pelo contexto, você acha que a abordagem do pai foi usada pela primeira vez ou ela é constante? Explique seu raciocínio:

04) Copie da charge um exemplo de vocativo, explicando como o descobriu:

05) Explique o uso das reticências na fala do pai:

06) Crie uma fala para o pai, após a do menino:

07) A que problema social se refere a charge?

08) Que consequências haveria para o Natal do menino?

09) Dê um título adequado à charge:

10) Justifique a acentuação gráfica da palavra FÉRIAS:

11) Explique o que significa "férias coletivas":

12) Identifique a função sintática da palavra FILHO na frase "Filho, tenho uma coisa para revelar..."

13) Na sua opinião, o que o pai ia revelar ao filho?

14) Crie uma outra charge, só que é o filho que falaria ao pai que teria uma coisa a revelar... Qual seria a fala do pai?

15) Você acha que a criança acertou o que o seu pai ia revelar? Justifique sua resposta: 

16) O que se pode depreender da charge quando o menino menciona férias coletivas?

17) Passe para o discurso direto os dois balões de fala da charge:

18) O que significam os recursos gráficos que o autor utilizou na personagem infantil?

(Participação especial das amigas Édina Moura, Lourdes Galhardo, Sandra Vitezi, Carmem Lúcia, Fabi Behling, Maria Regina e Sonia Henriques)

2 comentários:

  1. Eu também estou querendo sair de férias, acho que vou fazer uma proposta para o Papai Noel.Vou chantageá-lo.

    ResponderExcluir

Deixe aqui o seu comentário sobre o blog ou sobre esta postagem em especial!!! Vou amar saber o que você pensa!! Muito obrigada pela visita!!! Volte sempre!!!