domingo, 24 de julho de 2011

"Bilhete" (Mário Quintana)

Bilhete 

Se tu me amas,
ama-me baixinho.
Não o grites de cima dos telhados,
deixa em paz os passarinhos.
Deixa em paz a mim!
Se me queres, enfim,
... tem de ser bem devagarinho,
... amada,
... que a vida é breve,
... e o amor
... mais breve ainda.

(Mário Quintana)

01) Responda, criativa e poeticamente, ao "bilhete", mantendo a mesma estrutura:

02) Se a mesma ideia do poema fosse expressa de forma concisa, objetiva e denotativa, como ficaria o texto?

03) Observe os versos seguintes, para explicar o seu sentido:

 "a vida é breve,
... e o amor
...mais breve ainda."

04) O que seria, para você, "amar baixinho"? Explique bem:

05) Quais seriam os possíveis perigos do amar ser gritado?

06) Reescreva o poema alterando os tempos e modos verbais. Depois classifique-os:

07) Você concorda que o amor é breve? Por quê?

08) O título "Bilhete" é um substantivo. Se fosse um verbo, qual seria mais adequado? E adjetivo?

09) Transforme a poesia em prosa, fazendo todas as alterações necessárias:

10) Crie uma paródia bem criativa tendo como base esse poema:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário sobre o blog ou sobre esta postagem em especial!!! Vou amar saber o que você pensa!! Muito obrigada pela visita!!! Volte sempre!!!