sábado, 11 de junho de 2011

Ambiguidade: um artifício ou um problema?!?

W.C.


Em certa ocasião, uma família britânica foi passar as férias na Alemanha. No decorrer de certo passeio, os membros da referida família encontraram uma pequena casa de campo que lhes  pareceu ótima para passarem as férias de verão.

Conversaram com o proprietário, um pastor protestante, e pediram que lhes mostrasse a casa. A residência agradou aos visitantes ingleses que combinaram de ficar com ela para o verão próximo.

Regressando à Inglaterra, discutiram muito sobre a planta da casa, quando, de repente, a senhora lembrou-se de não ter visto o WC.  Confirmando o senso prático dos ingleses, escreveram para o pastor para obter tal pormenor. A carta foi assim redigida:  “Gentil pastor, sou membro da família que há pouco tempo o visitou, com a finalidade de alugar a sua casa no próximo verão, mas como nos esquecemos de um detalhe muito importante, agradeceríamos se nos informasse onde se encontra o WC.”

O pastor alemão, não compreendendo o sentido da abreviatura WC e julgando tratar-se da capela da seita inglesa White Chapel, assim responde::  “Gentil senhora, recebi a sua carta e tenho o prazer de lhe comunicar que o local a que se refere fica a 12 km da casa. Isto é muito cômodo, sobretudo se tem o hábito de ir freqüentemente.  Neste caso é preferível levar comida para ficar lá o dia todo.  Alguns vão a pé, outros de bicicleta.  Há lugar para 400 pessoas sentadas e 100 em pé.  O ar condicionado é para evitar inconvenientes comuns nas aglomerações.  Os assentos são de veludo e recomenda-se chegar cedo para arrumar lugar sentado.  As crianças permanecem ao lado dos adultos e todos cantam em coro.  À entrada, é fornecida uma folha de papel a cada pessoa, mas se chegar depois da distribuição pode usar a folha do vizinho ao lado. Tal folha é restituída à saída para ser usada durante o mês. Existem amplificadores de som e tudo o que se recolhe é para as crianças pobres da região. Fotógrafos especiais tiram flagrantes para os jornais da cidade, de modo que todos possam ver seus semelhantes no cumprimento de um dever tão honrado!”


(Autor Desconhecido)

Os alunos costumam dar boas risadas lendo este texto e conseguem entender como a ambiguidade pode se tornar um problema ou... uma diversão! Recomendo! Aproveitem! 

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Sempre gostei muito também desse texto! Eu e meus alunos sempre damos muitas risadas! kkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  2. Uau, Dequinha, que máximo!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito show, né?!? Costuma fazer muito sucesso com a molecada!!! rs rs rs

      Excluir

Deixe aqui o seu comentário sobre o blog ou sobre esta postagem em especial!!! Vou amar saber o que você pensa!! Muito obrigada pela visita!!! Volte sempre!!!